Jul 12

Saviola“Ao longo da carreira encontrei vários tipos de adeptos. Dos fanáticos de Sevilha, aos low profile do Mónaco. Mas como também já referi, não encontrei nenhuns com a genuína paixão dos benfiquistas. É quase inexplicável.
Sente-se olhando fundo nos olhos das pessoas. Sente-se nas manifestações espontâneas nas ruas, nos restaurantes, no estádio. Sente-se nas cartas que recebemos (…).
Quem já passou pelas mesmas situações - em países diferentes, com clubes diferentes e adeptos diferentes - sabe distinguir claramente os sentimentos. Aqui é distinto. Garanto!.”

“O Benfica é um clube muito especial. Não digo isto para ser politicamente correcto ou conquistar o coração de quem quer que seja. Aliás, antes de vir para Portugal, posso confessar que desconhecia em absoluto esta grandeza. O Benfica foi-me conquistando e convencendo com factos. É daqueles clubes que te surpreende dia após dia.

Quando conto isto a alguns colegas de outros clubes eles estranham. Como é que alguém que passou pelo Real Madrid ou Barcelona se pode surpreender? A explicação é simples. O Real ou o Barça são como teatros gigantescos e nós, os jogadores, somos os actores principais de uma grandiosa encenação. No Benfica é outra coisa, mais ligada ao sentimento, ao povo, à paixão. Vem das raízes, é genuíno. Os adeptos conseguem transmitir-nos exactamente o que lhes vai na alma. Sentimos essa força na pele. (…)
Cheguei a dizer ao Jorge Jesus: “Mister, isto nem no Madrid!”
O mesmo já tinha acontecido no estágio da Suiça. No meio das montanhas, num local que nem vem no mapa, havia centenas de benfiquistas a apoiar-nos. Após o primeiro treino liguei à minha mãe e disse: “Mãezita, este clube é impressionante!”

Javier “El Conejo” Saviola

Dez 02

Sporting 0 BENFICA 0Em relação a este fim-de-semana desportivo que acaba de terminar, direi duas ou três coisas conforme prometido…

Em primeiro lugar saudar o regressado líder isolado, o Braga. Como sabem fui daqueles que sempre desconfiou das capacidades de Domingos Paciência para liderar um clube com ambições mais altas. Todavia, tenho que dar a mão à palmatória pois o Braga jogou bem, criou muitas oportunidades e venceu por 2-0 não permitindo qualquer golo ao Leiria. Obviamente o Braga tem uma boa equipa, mas o maestro tem sempre responsabilidades.

Em relação ao Porto, deixem-me que vos diga que ficou mais uma vez provado que esta equipa não é o mesmo colosso de há uns tempos atrás… A exibição foi sofrida e o resultado muito agradável, mas arrancado a ferros. Não me parece que o Porto tenha neste jogo voltado às boas exibições e por este andar vai perder mais pontos…

Em relação ao grande jogo desta jornada, o Sporting/BENFICA começo logo por aquilo que pode ser a conclusão: O BENFICA não esteve à altura do que já mostrou esta época e o Sporting fez a melhor exibição da época!
O BENFICA vem nos habituando a exibições recheadas de golos (bem… ultimamente não…) e com uma característica que faz muita diferença: a rapidez e lucidez nas transições defesa/ataque que semeiam o pânico nas defesas contrárias. Neste jogo, o BENFICA não conseguiu impor essa rapidez, perdendo o meio do campo, e daí ter criado menos oportunidades de golo do que seria normal. Pelos vistos o Nuno Presume tinha toda a razão quando numa crónica da Rádio Renascença dizia que o BENFICA teria que ter atenção com o Inverno, com campos pesados onde a técnica é mais difícil de evidenciar! Este pior ainda dada a natural e já habitual deficiente condição do relvado! Ainda houve oportunidades que foram escandalosamente falhadas… Não queria falar de jogadores em particular mas não posso de lamentar a falta de rendimento do DI MARIA, sem explosões, sem acertar passes, sem grandes remates. Penso que FÁBIO COENTRÃO poderia muito bem ter substituído o DI MARIA ao intervalo e não entrando a 7 minutos do fim…
O Sporting esteve muito bem para aquilo que vinha mostrando até aqui. A equipa jogou como “equipa” e os resultados mostraram-se fazendo com que o resultado previsível e esperado não acontecesse… Além disso o Sporting teve também boas oportunidades para marcar. Destaco claramente as novas instruções tácticas do Carvalhal. O losango já era e pelos vistos resultou. Todavia, não se iludam os sportinguistas com este resultado. É sabido que sempre que o BENFICA e o Sporting se defrontam a condição de uma e outra equipa não tem nada a ver com os resultados. Os jogadores empolgam-se e transfiguram-se mostrando um jogo à parte daquele que vai sendo comum ao longo da época.

Vamos lá ver se o Sporting aguenta esta “equipa” e se o BENFICA volta a subir no poderio ofensivo.

Mar 08

Mais uma vitória inequívoca que peca por escassa, tal as oportunidades desperdiçadas, do INCOMPARÁVEL SPORTING sobre o Paços de Ferreira!
42986.jpgAinda e sempre, este ajudante de apitados de sua graça Soares Dias, esteve no seu melhor! Já toda a gente percebeu que o homem não gosta nada do SPORTING, mas caramba, até lhe fica mal prejudicar tanto a equipa. Logo aos 3 minutos, um defesa do Paços colocou mão à bola dentro da área - penalty em todo o lado - mas o tal Soares Dias mandou jogar.
Por volta dos 85 minutos, Daniel Carriço marcou um golo - legal em todo o lado - menos na óptica deste apitador!
Espero sinceramente que os dirigentes do meu clube dêem um murro na mesa e digam “basta”! Já chega!!!! Não queremos mais esta imitação de árbitro a apitar mais jogos do SPORTING!
De resto, foi uma vitória normal, com poucos golos apesar de muitas oportunidades. Dois golos de bela execução, o primeiro de Liedson (claro…), o segundo de Derlei e o terceiro de Daniel Carriço, apesar de não ter contado oficialmente…

Fev 16

Eis algumas das frases do Carlos Manuel, quando esteve na passada terça-feira no PROLONGAMENTO. Espero poder contar com os vossos comentários a esta noticia AQUI. Obviamente, devem ouvir as suas declarações na íntegra AQUI.

Prolongamento com Carlos Manuel

 Clicando na imagem poderão ter acesso às restantes fotos deste programa! 

“Comecei a jogar futebol com 2 anos…”
“Uma das melhores escolas de futebol é o futebol de rua…”
“Hoje o povo não está perto do jogador de futebol…”
“Hoje o futebol é negócio, é dinheiro, quem paga isto é as televisões…”
“Eu comecei com 14 anos nos juvenis da CUF, trabalhava nas oficinas da CP, com treze anos comecei a trabalhar numa tipografia em Lisboa…”
“Desde serralheiro, torneiro, marreteiro, sei lá…”
“Eu nunca tive sonho em ser jogador de futebol…”
“Há uma frase do meu pai que eu nunca mais esqueci: Se eu tenho que assinar este papel, tu tens de cumprir!”
“A minha grande virtude é o prazer que me dava jogar futebol…”
“A evolução do nosso Ronaldo é extremamente positiva porque tem gente com ele dentro do próprio clube que o vai rentabilizando e nós não temos isso no nosso país…”
“A FPF recebeu em 1986 recebeu 187 mil contos por estar presente no Mundial, a nossa diária era de 4 contos lá e em Portugal 2 contos, e eu cada vez que levantava o telefone no México pagava 9 contos…”
“O jogador tem direito a receber…”
“Chegamos a estar 11 jogadores do lado de lá do rio e só o Bento é que era do Barreiro…”
“O Benfica ia buscar muita gente ao Barreiro…”
“Vínhamos todos na carrinha do Bento, que cheirava a peixe porque ele às 4 da manhã ia buscar peixe para a pedra do pai…”
“O Benfica naquela altura foi uma escola da vida para mim…”
“A CUF na altura, em termos de condições, era dos melhores clubes deste país, tinha 2 campos relvados e tínhamos 60 bolas para treinar, isto nos juvenis…”
“Assinei o meu contrato com o Benfica no aeroporto…”
“O meu clube do miúdo era o Sporting…”
“ Eu disse que ia para o Benfica mas continuava a trabalhar nas oficinas da CP, o que era impossível claro…”
“ Mas depois chego ao Benfica que se tornou na minha juventude na minha primeira casa…”
“No Benfica, eu aprendi a ter voz, a ser solidário, aprendi que há amizades que devemos mantê-las…”
“Para mim o Benfica é Benfica…”
“Os 20 minutos à Benfica parecia que era teórico mas não, era uma realidade!”
“Havia mais qualidade em quantidade!”
“Hoje há mais união na selecção porque os jogadores vêm do Inter, do Manchester, etc… na altura vinham do Benfica, do Sporting e do Porto e as pessoas não esqueciam a clubite…”
“Nós neste país não podemos ver ninguém com sucesso…”
“Eu já chorei de alegria com golos que o Ronaldo marcou…”
“Em 13 de Outubro de 1985, um golo na Alemanha que nos deu acesso ao Mundial, em 13 de Outubro de 86 eu já era outra pessoa, e eu achei que devia sair…”
“Eu na Suíça era um rei, ali achei o que era ter sucesso…”
“O Benfica era “sui generis, quando saía no autocarro o porteiro dizia: quantos vamos ganhar? No Sporting o porteiro perguntava: temos que ganhar! “
“Em termos de clube, de grandeza, o Benfica é o expoente máximo do nosso futebol!” 
“Mesmo em termos de Selecção, quando íamos ao estrangeiro, as bandeiras que mais víamos eram do Benfica…”
“O Sporting foi sempre um clube muito mais instável…”
“Ganhei um Stromp no Sporting, foi um orgulho enorme!”
“Na altura com 39 anos quem é que diz não Sporting?”
“Tudo o que estava estipulado com o Sporting nada foi cumprido…”
“Passado uma semana de eu estar no Sporting eu disse para os meus dois adjuntos arrumem as malas que eu vou embora….”
“Em Alvalade era música, ar condicionado…”
“Eu tinha 32 jogadores no Sporting, e alguns eu escrevi para a administração, atenção que se está a passar isto e isto… e a administração dizia: você tem que os rentabilizar…”
“Mister, hoje só vou treinar com o pé esquerdo… A resposta da administração: você vai que o rentabilizar… “
“O que o Paulo Bento diz dos bufos, eu vou lhe dizer, eu cheguei ao Sporting e passado dois dias eu disse: este cadeado tem de ser mudado. Mudamos o cadeado e no outro dia a seguir estava rebentado… Há vícios que não se perdem…”
“Não há treinador que aguente… o Paulo Bento é uma pessoa humana… todos os dias há 10 problemas!”
“Passado duas semanas de eu estar no Sporting eu andava a treinar por andar… não havia prazer…”
“A mística é o Benfica!”
“Não é normal acontecer o que está a acontecer ao Benfica…”
“O Benfica é o maior clube deste país…”
“O Luis Filipe Vieira está a fazer um excelente trabalho na parte económica!”
“Há interesse em falar no Apito Dourado…”

Fev 11

Rui CostaAcabei de ver o GLORIOSO BENFICA a limpar o Paços de Ferreira da Taça!
Uma segunda parte bem conseguida depois de um primeiro tempo manchado pelo golo madrugador do Paços que enervou a equipa vermelha.
O jogo ditou a estreia de Makukula que, quanto a mim, não devia ser desta forma, sozinho!  Como é possível um treinador por como única arma de ataque, para onde se bombearam todas bolas, este jogador que não conhece a equipa! Não é nenhum salvador da pátria nem o pode ser desta forma! Ainda bem que o Paços marcou o que serviu para Camacho corrigir metendo em campo o Cardozo! Obviamente que o jogo passou a ser outro!
O BENFICA deu a volta ao jogo com dois penálties e se o segundo não oferece nenhuma dúvida, vou ver se vejo amanhã as imagens para ver se o primeiro é bem assinalado. Vou ficar com essa dúvida em nome da minha imparcialidade!
Mas os 4-1 finais não deixam dúvidas! O BENFICA foi um justo vencedor com uma boa 2ª parte e um GRANDE JOGO DO MAESTRO RUI COSTA que para variar, marcou e deu a marcar! Um espectáculo este homem! E depois ainda teimam comigo que é velho etc… Por mim, se ele quizesse tinha lugar na Selecção! Mas não está lá e até acho bem! Saiu em grande e vai ser recordado como GRANDE que foi, ainda é, e sempre será!

VIVA O BENFICA!!!

Dez 23

Luis InacioO BENFICA despediu-se de 2007 com um jogo em casa frente ao Estrela da Amadora que bem pode espelhar aquilo que é o estado actual do CLUBE DA ÁGUIA! Uma primeira parte deplorável, horrível como disseram alguns comentadores da rádio e uma segunda completamente transfigurada para melhor onde acabou por ganhar (e bem) o jogo não deixando respirar a equipa adversária.
É este o BENFICA capaz do melhor e do pior. Um BENFICA que ganha ao Shaktar fora de forma quase “épica” e logo a seguir desilude com o Belenenses. Desejo que o BENFICA tenha em 2008 uma prestação mais positiva.

Mas este jogo teve uma particularidade interessante! Convidei os amigos Luís Inácio e Pedro Pato - meus colegas do PROLONGAMENTO que foram jantar à Catedral da Pedro PatoCerveja e respirar aquele ar maravilhoso que se sente na CATEDRAL DO FUTEBOL. O tempo não estava lá muito agradável mas parece-me que ficaram agradados. Sobretudo o Luís Inácio que esteve perto de uma daquelas Benfiquistas indefectíveis que não o deixou sossegado o tempo todo… É claro que o Luís Inácio foi nessa noite Benfiquista desde pequenino… Sobre espero que ele possa dizer mais alguma coisa aqui.

Podem ver AQUI algumas fotos do encontro…

(Valha-nos a derrota do Porto no Nacional da Madeira…)