Jun 20

Alemanha 3 Portugal 0

Portugal terminou hoje a sua epopeia europeia no EURO 2008 frente a uma Alemanha que fez o trabalho de casa muito bem! A Alemanha entrou bem e confundiu com o seu poderio no meio do campo os jogadores portugueses que deveriam ter sido mais rápidos a reagir!
A Alemanha fez o seu melhor jogo no Europeu e foi logo connosco! Mas, apesar de tudo, teve também a ajuda de quem apitou o jogo! Não é só o 3º golo, mas sobretudo este foi de bradar aos céus! Não acredito que o árbitro não tenha percebido o empurrão claríssimo ao Paulo Ferreira! Também é verdade, que Ricardo (o herói do Euro 2004) ficou muito mal (mais uma vez) na fotografia! Agora é que gostaria de ouvir o Madaíl a insurgir-se na UEFA, não era quando estava a entrar no avião no dia em que Portugal viajou para a Suíça!

Penso também que Scolari falhou ao tirar o Nuno Gomes para a entrada de Nani! Jogar sem pontas de lança não resulta! Está provado neste jogo! Não foi o Ronaldo que marcou, não foi o Nani que marcou! Foram dois pontas de lança portugueses e que até nem são grandes estrelas (como toda a gente diz…): o Nuno e o Postiga!

Feitas as contas do jogo, custa a engolir, mas pronto, também não se deve esquecer que a Alemanha jogou bem e Portugal consentiu muito! Até consentiu dois golos iguais…

Agora no rescaldo da praxe, eu quero já deixar claro que houve factores externos que ao jogo que não foram bons para a concentração no objectivo de ir longe. Desde logo o escândalo do treinador que gozou com o Madaíl ao pedir 7,5 milhões por época para ficar… Será vingança por ter admitido que só não o mandou embora por causa do Sócrates? Depois o corrupio de agentes, empresários, artistas da canção, muito show-off o que não deve ajudar a concentrar… Sem esquecer aquela novela de Ronaldo que promete cenas escaldantes nos próximos dias com o sujeito a admitir hoje que quer ir para Madrid! Isto não influência nada a equipa? Claro que influência! Só um “burro” é que pode dizer o contrário!
VIVA PORTUGAL!
(E agora esta do Ronaldo ir ser operado ao pé, alguém me explica? Andava a jogar debilitado?)

Jun 15

Suiça 2 Portugal 0Portugal jogou hoje contra a Suíça um jogo que pensávamos que pudesse ser um jogo de festa e consagração para a primeira equipa a qualificar-se para os quartos de final. Saiu tudo trocado! Quem fez a festa foram os suíços que assim se despediram do seu treinador com uma vitória que acaba por ser merecida apesar de muito facilitada (escandalosamente…) pelo apitador austríaco!
A verdade é que o árbitro não valida um golo limpo a Postiga, não marca dois penaltis claríssimos sobre Nani, e depois até marca um penalti contra a Portugal que não era… Isto para não falar de muitos outros erros do apitador!
Todavia, para quem viu o jogo – apesar desta “enorme” contrariedade a que se junta mais uma vez os ferros das balizas, por duas ocasiões – ficou em todos nós o sabor amargo da desilusão que foram aqueles jogadores que deveriam ter complicado ao Scolari as escolhas do onze titular. Apesar do disfarce da primeira parte, a segunda veio comprovar que tirando um ou outro pormenor de Nani, do azar de Postiga, da segurança de Pepe, nada mais se viu tirando umas boas defesas de Ricardo que também chegou a complicar em alguns lances, ainda que sem consequências. Daqueles que jogaram, foram para mim as maiores desilusões o Quaresma que reclama tantas vezes nas “entrelinhas” a titularidade e que hoje, muito individualista, mais uma vez não jogou para a equipa, o Miguel Veloso que pouco se viu, o Meira que falhou tanto passe e ainda o Miguel que apesar do bom começo rapidamente se tornou um fiasco! Isto para não falar de mais ninguém e ser simpático!
Não fizemos o pleno, mas estamos lá e em primeiros! Agora há que recuperar o grupo, porque coisas destas destabilizam sempre! Até porque agora começa a endurecer! Vem aí ainda não se sabe quem, mas seja quem for, vai ser complicado e a turma lusa vai ter que mostrar outros argumentos! Isto se não queremos ser os primeiros a abandonar o “barco” nos quartos de final…
Força!

Jun 13

Portugal vence checosA notícia do momento é, sem dúvida nenhuma, o Euro 2008. Depois da Turquia, os “Viriatos” despacharam a República Checa por 3-1.
Esta nossa Selecção, do melhor que se tem visto nos últimos tempos, é composta pela defesa do FC Porto dos últimos anos e pela escola do Sporting - são 7 (sete) os jogadores daí provenientes - e está, até ao momento, a superar todas as expectativas e aquilo que fez no Euro 2004. Se assim continuar, nesta onda vitoriosa, prevê-se que chegue à final e vença o título europeu.
Esta situação seria o melhor que podia acontecer ao Governo de José Sócrates, para ir continuando a enganar o país, com problemas atrás de problemas, com uma economia que vai andando cada vez mais no sentido contrário do aumento dos preços dos combustíveis, dos bens alimentares, e por aí adiante!
No meio disto tudo, foi pena que no dia da “Raça”, o Presidente da República, Dr. Cavaco Silva, não se tenha lembrado de dar uma medalha de mérito desportivo ao Sporting Clube de Portugal pelo trabalho efectuado através dos tempos que se vê agora no futebol da nossa Selecção.

Saudações Desportivas!

Jun 12

Chelsea TV and SITE can exclusively reveal the following statement:

Chelsea Football Club is delighted to confirm that Luiz Felipe Scolari will be the club’s new manager from July 1, 2008.

Felipe has great qualities. He is one of the world’s top coaches with a record of success at country and club level, he gets the best out of a talented squad of players and his ambitions and expectations match ours. He was the outstanding choice.

Out of respect for his current role as Head Coach of the Portuguese national team, and to ensure minimum disruption to this work, there will be no further comment from Chelsea FC nor from Felipe about his new role until his employment with us commences.

(comunicado do site oficial do Chelsea FC)

—————–

 Antes de comentar esta notícia, gostava de recordar umas passagens (os factos são sobejamente conhecidos) do livro do Veiga!

O livro de José Veiga, intitulado “Como tornar o Benfica campeão”, escrito pelo ex-director-geral da SAD do clube, em parceria com os jornalistas Camilo Lourenço e José Marinho, revela que o clube teve «um acordo total» com Luiz Felipe Scolari após a saída do espanhol José Antonio Camacho para o Real Madrid, no Verão de 2004. De acordo com a publicação do ex-director-geral da SAD encarnada, citado pelo JN, o técnico brasileiro «tornou-se rapidamente consensual», uma vez que o clube procurava um treinador com «o mesmo registo disciplinador de Camacho».

«Chegámos a um acordo total. Luiz Felipe Scolari ficou encantado com o projecto e com as condições. Nesse dia fiquei convencido de que Scolari seria o novo treinador do clube. Havia sintonia de ideias, chegámos a falar de jogadores, discutimos hipotéticos reforços», revela José Veiga, no referido livro, que será apresentando esta sexta-feira em Lisboa.

Ao que tudo indica, o objectivo era que as negociações estivessem envoltas «sempre em grande segredo», devido ao facto de Portugal estar a disputar o Euro2004 em casa. No entanto, nessa mesma altura, o acordo chegou às páginas dos jornais, o que fez com que Scolari rejeitasse qualquer hipótese de representar o Benfica.

————-

Penso que depois destas passagens que propositamente recuperei aqui, ficam todos a saber a minha opinião sobre esta notícia bombástica de hoje!

 ScolariObviamente se na altura se pedia segredo ao BENFICA, agora não se pede ao Chelsea porquê? Ah… pois é… os milhares do BENFICA não são iguais aos milhões do Chelsea não é?

Não me apetece agora dizer muita coisa porque quero esperar pelas declarações de amanhã do Scolari… Sempre quero ver se a relação de unha com carne com o Madaíl também aconteceu desta vez… Ou se foi quebrada… É que ninguém escondeu o desejo de continuar a contar com o Scolari na selecção! Até eu próprio estava disponível para dar o meu apoio! Vamos ouvir os protagonistas e depois vamos ver no que dá…

(Só digo uma coisa, se para Mourinho, eu disse que iria ser muito complicado, para Scolari não vai ser menos!)

Jun 12

Portugal 3 Rep Checa 1Muito boa prestação de Portugal frente à Republica Checa! Uma equipa dificil mas que caiu perante o maior poderio português. Temos, na verdade, uma equipa com rotinas muito bem conseguidas e, neste capítulo, tiro o meu chapéu ao Scolari!

Portugal entrou bem e marou cedo um golo que apareceu com naturalidade. Eu próprio não acreditaria neste cenário antes do jogo, ou pelo menos, tinha muitas dúvidas porque pensei que o “autocarro defensivo”dos checos fosse mais eficaz, mas a verdade é que desta vez não se preocuparam tanto em defender como aconteceu com a Suiça e depois, Portugal também tem outros argumentos que a Suiça não tem! Convém não esquecer que a defesa toda dos checos é “made in Itáia”…

Estranhamente, os checos conseguiram empatar e a partir daqui Portugal acusou o golo e desconcentrou-se, todavia, ainda não tinha acabado a 1ª parte e já Portugal dava mostras de conseguir empurrar os checos para trás com muita técnica e, sobretudo, com a classe (ou deverei dizer antes “magia”) de Deco!

A segunda parte teve esse condão de trazer o resultado desse poderio, desse “empurrar” os adversários para trás e permitir assim o 2-1. Os checos esboçaram ataques em que tivemos sorte e… Ricardo! E num lance de grande oportunismo, Deco marca um livre e a ele se deve 50% do golo que Quaresma marcou a passe de Ronaldo! Até para estes entendimentos deu.. e ainda bem! Quem diria?

Parabéns! Agora espero uma vitória respeitosa sobre a equipa da casa para que “esses da casa” se convertam em definitivo à equipa que passa de 2ª escolha para 1ª: PORTUGAL!

Jun 08

Portuga 2 Turquia 0Portugal entrou muito no Europeu com uma vitória tranquila contra a Turquia. Conseguimos praticar um futebol muito interessante que logo cedo arrancou um amarelo ao Kazin, o que indica muito bem o nosso poderio ofensivo… Desde do início e até final do jogo (aquele que para mim foi um dos melhores em campo) Bosingwa foi um defesa intransponível e fez o corredor direito muito bem! Resultado desta boa entrada de Portugal foi o golo que Pepe apontou e que seria mais que justo, mas que acabou por ser anulado por um fora de jogo milimetricamente bem anulado! Até final fa 1ª parte foi crescendo o nosso domínio e foi muito interesante ver Ronaldo, Simão e lá para o final Moutinho a fazerem das suas…

Na 2ª parte mais do bom Portugal da 1ª parte, e depois de Ronaldo ter atirado à baliza e o guarda-redes ter defendido para o poste, foi a vez de Nuno Gomes (que também fez um excelente jogo) atirar ao ferro a passe de Simão que sofreu uma falta muito feia que não deveria ter ficado pelo amarelo… O facto de a Turquia não atacar e se limitar a defender permitiu a Moutinho sair de junto de Petit e avançar até ao lado de Deco, o que deu um brilho ofensivo que trouxe mais cheiro de golo! Pouco depois, Pepe marca um bom golo em excelente combinação com Nuno Gomes! MAIS QUE MERECIDO! Logo de seguida e pela 3ª vez é a barra a negar o golo a Nuno Gomes! Depois vieram as alterações que eu não entendi! Scolari tira Nuno Gomes e coloca Nani que acaba por não entrar muito bem, mas lá foi encaixando! E não entendo porque Nuno Gomes segura os defesas centrais turcos lá atrás e com a sua saída, a Turquia subiu no campo e criou alguns calafrios! Não fosse a nossa extraordinária defesa e podia acontecer o pior! Felizmente lá conseguimos segurar o resultado com muitas cautelas defensivas de Scolari que até o Meira pôs a jogar e acabamos por garantir o 1º lugar do grupo através de Meireles que apontou um excelente golo em que mais de metade do trabalho é do Moutinho que assim coruou a sua excelente exibição! Não esqueço que faltou um cartão vermelho depois de uma entrada sobre Nani, nas barbas do fiscal de linha…
Conclusão: Portugal entrou muito bem no Europeu e mostrou que tem uma equipa que, se não se perder em individualismos, poderá ir longe… Assim o espero! Parabéns!

Jun 05

Força Portugal !Está aí à porta mais um Europeu de futebol, certamente se esquecerão, por breves semanas, todas as greves e crises que assolam a nossa pátria. Portugal e as suas janelas começam a engalanar-se a preceito para a ocasião, com bandeirinhas “made in China”.

Após o 2º e 4º lugares, respectivamente no Euro2004 e no Mundial2006, as expectativas são elevadas mas também justificadas. O mínimo dos mínimos será alcançar os quartos-de-final, e a partir daí será o “mata-mata”, como Scolari tanto gosta de mencionar. E não me digam que o grupo é complicado porque com o valor dos jogadores que compõem a nossa selecção dava para ter 5 selecções checas, 15 turcas e 30 suiças.

Somos indubitavelmente melhores, no entanto existe a necessidade de entrar nos jogos com HUMILDADE, GARRA e VONTADE de vencer, mais equipa e menos individualismo. E o resto são batatas meus amigos, como diria um velho colega.

Despeço-me como um mito vivo do espectro radiofónico que todos bem conhecem: Saúde e desporto!

FORÇA PORTUGAL !!!

Vasco Miguel Casimiro

Jun 05

Champions LeaguePenso que, muito embora tudo o que se passou e tudo o que ainda está para vir, a realidade é que esta decisão só foi possível porque o Porto não recorreu da pena que lhe foi aplicada quanto à perda de 6 pontos, aquando do célebre “Apito Final”. O Porto clube assentiu na condenação e permitiu que se chegasse à conclusão, nomeadamente por parte da UEFA, de que a decisão se tornou definitiva e executória para o clube. Como tal, decidiu excluindo o Porto da LIGA DOS CAMPEÕES! Este é um ponto que me parece fundamental realçar.

Tudo o que em seguida se diz, escreve e ouve são contas de outro rosário! Na perspectiva da UEFA a questão da retroactividade não se coloca pois na UEFA não se está perante normas de processo disciplinar, muito menos penal e por isso a questão é analisada à data em que é posta em cima da mesa (após se ter como definitiva dado o não recurso do clube) já que se trata de uma questão de mero licenciamento para poder participar ou não numa prova…

Julgo que em face disto vai ser muito difícil, ao contrário da certeza de Pinto da Costa, ver o Porto na próxima Liga dos Campeões. Até porque, o principal argumento do Porto passa pelo facto de que se a conduta que pune o clube tem razão de ser na conduta do presidente, então isso quer dizer que se o presidente for ilibado, o Porto será automaticamente despenalizado! E aqui, apesar do argumento forte das escutas ilegais, não sei, porque não conheço o acórdão a fundo, se este entronca unicamente nelas. Sinceramente, acho que seria um acórdão fraco e não me parece que a questão seja tão linear. E não sendo, mesmo que a pena de Pinto da Costa possa vir a ser atenuada, se não houver provimento completo do recurso interposto por ele, obviamente o Porto não deixa de ser alvo da mesma condenação. Mas ainda, há outro factor que é o de saber quando é que o Conselho de Justiça da Federação Portuguesa vai tomar posição. Sabemos que a UEFA não poderá esperar indefinidamente por essa decisão, na perspectiva de que possa aproveitar ao Futebol Clube do Porto…

Por tudo isto, estou muito crente de que o afastamento definitivo e certo do Porto não é pouco realista como querem fazer crer o presidente e outros defensores.

Seja como for, vamos aguardar para ver os novos capítulos…

(Gostava de realçar o que o comunicado da UEFA diz para que algumas dúvidas se dissipem: “No seguimento dos relatos do caso na imprensa portuguesa, a UEFA contactou a Federação Portuguesa de Futebol para obter mais informações.“)

Jun 04

Mourinho no Inter de MilãoOuvi hoje em directo e a cores a conferência de apresentação do Mourinho e digo-vos que não do ar arrogante (apesar de sobejamente reconhecido…) com que o sujeito começou por dizer que não falava português! Eu sei que ele estava ali para agradar à “stampa” mas não havia necessidade… Nenhuma “pseudo-baralhação” intelectual o poderia justificar! Até porque, a meio da conferencia, respondeu em inglês, ele que tinha dito que só falava em italiano… Ao menos parece que se redimiu porque depois falou aos jornalistas portugueses no fim da conferência, e em português desta vez… FICA REGISTADO O MEU DESAGRADO por esta “palhaçada”!!!
Quanto ao essencial, parece-me que foi o Mourinho (bom aluno de italiano) que fez o papel dele e afinal só vai “pedir” 2 ou 3 jogadores no máximo para reforçar a equipa! Foi o Mourinho que diz querer contribuir para repor a liga italiana como a melhor do mundo! No meio algumas “provações” encapotadas ao seu antecessor, e a futuros rivais… Boa postura, não o nego, para italiano (sobretudo adepto do Inter) consumir! Conseguiu por os jornalistas italianos a rir e disse-lhes que se queria divertir com eles…
Enfim, eu só quero chamar a atenção para o seguinte: o treinador anterior ganhou os últimos três campeonatos e foi despedido! Agora, o que se pede a Mourinho: O Campeonato e a Liga dos Campeões! OBVIAMENTE!!! E se ele não ganha a LIGA DOS CAMPEÕES? Ou até sai na fase de grupos? E se ele não ganha o campeonato? Será que não deve demitir-se? Será que terá outra saída? E depois como pode um sujeito como ele conviver com o fracasso? Sim porque se Mourinho não vence a LIGA DOS CAMPEÕES e a LIGA ITALINA, todo e qualquer outro cenário é um fracasso!
Mourinho está a arriscar muito, desejo-lhe boa sorte!